The Good Place

por Aluno/a
701 visualizações

Ser uma boa pessoa. Algo que todas – ou maioria de – as pessoas têm como objetivo e tentam conseguir todos os dias, seja pelas mais pequenas ações e palavras ou através de grandes atos e atitudes. Isto parece ser uma meta simples na vida, coisa que todos conseguem alcançar, mas neste mundo cheio de complicações, com tantas pessoas por tantos caminhos diferentes, simplesmente não é o caso. A série “The Good Place” mostra-nos isto em episódios cheios de humor, amor e narrativas que nos deixam a pensar.

O primeiro episódio apresenta-nos de imediato a nossa personagem Eleanor Shellstrop, uma rapariga que supostamente viveu para ajudar os outros. Se a palavra ‘solidariedade’ fosse uma pessoa, seria ela com certeza. Daí ela estar no ‘The Good Place’ (Uma espécie de Paraíso). Em poucos minutos, ficamos a saber que houve uma troca e ela não pertencia ali, aliás ela era a última pessoa que merecia estar ali… e agora?

Com a ajuda do Chidi, da Tahani e do Jason, Eleanor tenta tornar-se numa pessoa melhor, numa pessoa que pertença a um ‘Good Place’, uma tarefa que se vai provar ser muito mais difícil do que parecia. Até comprar uma simples fruta pode trazer consequências.

As pessoas conseguem realmente melhorar? O que faz com que uma pessoa seja boa e o que faz uma pessoa ser má? Podes encontrar as respostas a estas perguntas – e a muitas outras – nesta série e ao mesmo tempo apreciar a atuação impecável da Kristen Bell, da Jameela Jamil, do Ted Danson, da D’arcy Carden, do William Harper e do Manny Jacinto.

O “The Good Place” está disponível na Netflix e a sua quarta temporada estreou em Setembro.

Façam uma boa escolha e vejam esta série.

artigo de Christine Guzman

Foto de: Telegraphstar

Related Posts

Este site usa cookies para melhorar a tua experiência. Esperamos que não tenhas problema com isso, podes sempre fazer opt-out. Aceitar Ler mais

Privacidade & Política de Cookies